sábado, 31 de outubro de 2009

Feijoada simplificada (porém bastante completa)



Esta receita, uma versão simplificada da famosa feijoada brasileira, não é nenhuma novidade, mas achei que podia ser interessante para quem nunca fez feijoada, especialmente para os (infelizmente raros) não-brasileiros que possam vir a frequentar este blog. Chamei esta feijoada de simplificada, porque a feijoada típica é composta de uma grande variedade de carnes como bacon, orelha e rabo de porco, lingua, bacon, lombo defumado, charque e outras. Para simplificar, fizemos esta apenas com linguiça calabresa.

Você vai precisar de:
  • 600g de feijão preto
  • 4 cebolas
  • 5 ou 6 dentes de alho
  • 1 ou 2 linguiças calabresa ou paios
  • 3 ou 4 folhas de louro
  • salsa e cebolinha
  • arroz
  • farinha de mandioca
  • algumas folhas de couve
  • uma banana
  • um ovo
  • azeite de oliva, sal e pimenta
  • 1 ou 2 laranjas
O feijão

Coloque o feijão em uma panela de pressão, enche 1/2 da panela de água, tampe e deixe cozinhar por 25 minutos (contados a partir do momento em que a panela começa a assobiar). Deixe esfriar e sair todo o vapor, destampe, acrescente 2 cebolas e o alho picados, o louro, a linguiça cortada em fatias, um pouco de sal e um fio de azeite. Acrescente água se necessaŕio, até cubrir tudo. Deixe cozinhar por mais 35 minutos com a panela semi-tampada, ou até que o feijão esteja totalmente cozido e o caldo comece a ficar bem grosso. Acrescente salsa e cebolinha picados bem fino no final.

A couve

Corte uma cebola e a couve em tiras bem finas. Frite a cebola com um fio de óleo, acrescente uma pitada de sal e a couve e frite por alguns minutos, mexendo sempre.

A farofa

Esta é uma farofa de banana bem gostosa da nossa amiga Dani. Pique a cebola restante bem fino, frite ela em um pouco de óleo ou manteiga. Acrescente o ovo, mexe até cozinhar, acrescente a banana picada, frite por mais um ou dois minutos, acrecente uma xícara de farinha de mandioca e continue mexendo, deixe fritar por mais alguns minutos, até a farinha começar a dourar.

Sirve acompanhado de arroz branco (ou integral, porque não) e fatias de laranja.

Carne com vinho



Esta é uma versão bem básica de carne com vinho. É muito fácil de fazer, e acompanha qualquer coisa, como por exemplo aqui um risotto de legumes e rúcula. Você precisará, para 4 pessoas, de:
  • 600 a 800g de carne bovina, escolhe um pedaço mais ou menos bom como coxão mole ou alcatra
  • uma meia-garrafa de vinho tinto seco, da pior qualidade que você consegue encontrar (é sério, é muito importante, não fica tão bom com um vinho bom)
  • 1 ou 2 cebolas
  • 1 cenoura
  • 3 ou 4 dentes de alho
  • ervas finas (ou de Provence) frescas (o que você encontrar, alecrim, tomilho, sálvia, manjericão, manjerona, estragão, louro, etc...)
  • sal, pimenta do reino
E se você quer fazer o risotto também:
  • uma cenoura
  • uma ou duas cebolas
  • um alho-porró
  • arroz (para risotto se qum pouco de azeite de olivauiser)
  • 200g de queijo tipo mussarella ou prato ralado
Corte o alho, as cebolas, a cenoura e a carne em tiras. Frite o todo em em uma panela, começando com a cebola, o alho e a cenoura, e acrescentando a carne quando os legumes começam a dourar. Acrescente uma pitada de sal e de pimenta do reino se quiser. Quando a carne também começa a dourar, acrescente o vinho e tampe a panela. Deixe cozinhar em fogo baixo por 20 minutos ou até que as cenouras, que são o elemento mais duro da panela, fiquem bem macias. No final, pique as ervas e acrescente, e deixe cozinhar por mais alguns minutos.

Para fazer o risotto, pique todos os legumes em pedacinhos, frite por alguns minutos em um pouco de óleo, acrescente um pouco de sal, uma ou duas xícaras de arroz, mexe até ele ficar translúcido, e acrescente água até cobrir o arroz. Adicione mais água aos poucos, conforme o arroz absorve ela. Quando o arroz está quase cozido, não acrescente mais água e deixe secar. Quando está pronto, acrescente o queijo ralado e sirva.

BOLO MOLE OU BOLO PEGA MARIDO



BOLO MOLE - BOLO PEGA MARIDO

Ingredientes:
(use a lata de leite condensado vazia como medida)
1 lata de leite condensado (395g)
1 lata de leite integral
1 lata de farinha de trigo
1/2 lata mais 2 colheres (sopa) de açúcar
1 vidro de leite de coco (200ml)
3 ovos
2 colheres (sopa) de manteiga ou margarina (40g)
50g de coco ralado (opcional)

Modo de Fazer:
Bata os ingredientes no liquidificador. Ponha a mistura em forma de pudim untada e polvilhada com farinha de trigo. Leve-a ao forno médio (180°C) até dourar e ficar firme, de 45/55 minutos. Esse bolo é assado diretamente no forno e dispensa o banho-maria.

Obs.:Esse bolo fica com consistência de pudim e não leva fermento. É de origem nordestina e lá costuma-se colocar o coco ralado, no sul e sudeste é feito sem o coco ralado, por isso deixei como opcional. É delicioso!

até mais,



Tarte de grão

Tarte de grão

Antes de mais quero já dizer que esta tarte de grão é doce. É que quando coloquei a foto no Flickr, surgiu a confusão, por pensarem que seria salgada (uma vez que não coloquei a receita). É doce e bem doce. Eu gosto bastante da textura desta tarte. Faz lembrar os pastéis de feijão que tanto gostava quando era miúda. A receita vem de uma teleculinária bem antiga. Aqui fica:

1 base de tarte de massa folhada de compra
250g de açucar
25g de farinha
125g de puré de grão cozido
20g de margarina derretida e arrefecida
2 ovos + 2 gemas
Raspa de limão q.b.
Açucar em pó para polvilhar

Misturar o açucar, a farinha, o puré de grão, os ovos e as gemas, a margarina, a raspa de limão e canela a gosto. Mexer bem até ter uma massa homogénea. Esticar a massa folhada em cima de uma tarteira (com o papel para não ter que untar) e picar o fundo com um garfo. Deitar o recheio na tarteira e polvilhar com bastante açucar em pó (é o que cria a superfície estaladiça). Levar a forno pré-aquecido a 180ºC, cerca de 30 minutos.

Bom apetite!

Tarte de grão

Tarte de grão

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Lombinhos de pescada com molho de coentros


6 lombinhos de pescada, previamente temperados com sal
1 Ramo de brócolos
6 ovos
sal
azeite
3 dentes de alho
molho de coentros

Picar os dentes de alho para uma frigideira e deitar um pouco de azeite. Aquecer e dourar os lombinhos de pescada.
Cozer os brócolos e os ovos em água e sal ou a vapor.
Servir regado com o molho de coentros.

HAPPY HALLOWEEN

Desejo a todos os visitantes e amigos um feliz dia das bruxas (happy halloween)
Divirtam-se e tenham um excelente fim de semana

BUUUUUUUUUUUUUUU

Photobucket

Bolo de coco com mascarpone e miminhos da Belita


300gr de coco ralado depois de hidratado (para hidratar o coco, coloquei-o de molho em leite, escorri muito bem e só depois é que o pesei, o leite que sobrar é para acrescentar ao bolo 200ml mencionados mais abaixo)
100gr de maisena
1 c. chá de bicarbonato
4 ovos
250gr de queijo mascarpone
200ml de leite
80 gr de açúcar light

Bater os ovos, o mascarpone, o leite e o açúcar no liquidificador (eu usei a bimby).
Juntar o coco, a maisena e o bicarbonato e envolver na mistura anterior.
Colocar numa forma de silicone, rectangular, e levar ao forno a 180ºC até cozer e dourar.
Desenformar somente depois de morno.
Polvilhar com açúcar em pó e servir.

 
A seguir vou publicar alguns selos e miminhos oferecidos pela Belinha do blog Docuras&Belezuras, obrigada pelo carinho amiga. Bjokas fofas***



 

 



Croissants Doces

Enganam-se os que pensam que estes são daqueles croissants super leves e fofinhos que se desfazem na boca a cada dentada.
Apesar de também serem muito saborosos, esta "espécie" de croissants é mais robusta e grosseira. Isto deve-se ao tipo de massa utilizada, que leva pouca manteiga e nenhum ovo. Mas são muito práticos de preparar e são optimos ainda mornos para um lanche de fim de semana.

Ingredientes para 4 croissants:

150 ml de leite morno + 2 colheres de sopa para o glacê
1 saqueta de fermento granulado (usei Vahiné)
8 colheres de sopa de açúcar + 2 colheres para o glacê
2 chávenas (230ml) de farinha sem fermento
60gr de manteiga
1 limão

Preparação:

No robot de cozinha com a pá de plástico, ou na batedeira com a opção de gancho, misture a farinha com o fermento. Adicione depois a manteiga, o leite morno, o açucar e a raspar da casca do limão. Bata tudo na máquina durante alguns minutois até a massa formar uma bola. (Poderá ser necessário juntar um pouco mais de farinha ou de líquido.)
Coloque depois a mistura numa tigela e tape com papel aderente e coloque num local quente e deixe levedar cerca de 1 hora.
Aqueça depois o forno a 180ºC e forre um tabuleiro de ir ao forno com papel vegetal.
Ponha a massa na banca da cozinha previamente polvilhada com farinha e estenda a massa de modo a formar um circulo e corte-o depois em 4 triangulos.
Enrole cada triangulo começando na parte mais larga e terminando na mais fina de modo a formar um croisants e coloque-os no tabuleiro. Pincele com o glacê feito com 2 colheres de sopa de leite, 2 de açúcar e o sumo do limão e deixe levedar mais 30 minutos longe das correntes de ar.
Leve ao forno por 30 a 40 minutos ou até estarem dourados. Retire do forno e pincele com o restante glacê.
Sirva mornos com compotas, queijo e fiambre ou simples.

Bom Apetite!

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Carne de Vaca Assada à moda da minha mãe

Não gosto muito de carne de vaca mas esta receita da minha mãe sempre me agradou.
Esta foi a primeira vez que fiz esta carne e para tal comprei um naco de carne de vaca para estufar (cerca de 1 Kg).
Primeiro cozi a carne num tacho com água e sal durante meia hora.
Depois, retira-se a carne do caldo e à parte barra-se com colorau, alho, sal e louro e coloca-se com duas ou três cebolas a marinar em azeite e um pouco de margarina e um pouco de salsa por cima.
Deixa-se corar um pouco num tacho com todo este preparado e a carne e acrescenta-se um pouco de vinho branco. Para a carne ficar mais saborosa, deitar três ou quatro conchas do caldo em que a carne foi cozida e deixar estar ao lume durante quinze/vinte minutos. Está pronta quando a carne estiver dourada. Fica óptima com imensa cebola (eu adoro assim) e é acompanhada com o se quiser: arroz branco, esparguete simples, batata frita, etc.

Bolo de Bolacha

Um dos bolos que o Valter mais gosta é o bolo de bolacha e, até agora, ainda só o fiz duas vezes. Da primeira vez a experiência não correu muito bem, apesar de ele achar o bolo saboroso, o creme ficou demasiado líquido o que não me permitiu construir um bolo, mas sim fui obrigada a colocar dentro de um pirex... desta vez procurei outra receita, uma vez que tinha perdido a primeira, e agora que estou a publicar este texto constato que também perdi esta... parece que estou condenada a pesquisar na internet sempre que o Valter quiser comer bolo de bolacha...

Torta light de brócolis


Finalmente, consegui entrar aqui para postar uma receita nova, e deliciosa!Estou sem internet em casa por isso essa demora em postar novidades.
A torta light de brócolis fica deliciosa e todos comem. Para quem é mais relutante em comer hortaliças, pode fazer o recheio de legumes ,com seleta de legumes, ou frango desfiado, alho poró...Hummm!!! Me deu até vontade de fazê-las!
Bom, vamos aos ingredientes para a massa:
  • 1 e 1/2 xícara (chá) de farinha de trigo;
  • 1 colher (café) de sal;
  • 100 gramas de margarina light;
  • 3 a 4 colheres (sopa) de água.

Ingredientes para o recheio:

  • 1 colher (sopa) de azeite de oliva;
  • 1 colher (chá) de tempero pronto em pasta;
  • 1 maço de brócolis higienizado , em buquês;
  • 2 ovos;
  • 1 xícara (chá) de leite desnatado;
  • 2 colheres (sopa) de farinha de trigo;
  • 1 colher (chá) de sal;
  • 3 colheres (sopa)de queijo tipo parmesão light ralado.

Preparo da massa:

Em uma tigela, misture a farinha de trigo, o sal e a margarina. Com uma colher misture bem os ingredientes, e depois comece a colocar aos poucos a água. Eu não consegui colocar as 3 colheres de água, pois logo que comecei a colocar a segunda colher, já estava no ponto.


Abra a massa e forre o fundo e laterais de uma forma de fundo removível.Não precisa untar a forma.


Para o recheio, aqueça o azeite em uma panela e refogue os buquês de brócolis, deixando-os um pouco crocantes, pois ainda irão ao forno.

Depois de refogados , deixem que esfriem. Enquanto isso, faça o creme do recheio.Bata os ovos até dobrarem de volume. Sem parar de bater acrescente a farinha de trigo, o leite desnatado, e o sal. Na forma, sobre a massa, coloque os buquês de brócolis, e, cubra com esse creme. Salpique com o queijo parmesão ralado light, e leve para assar em forno pré-aquecido, por aproximadamente 40 minutos.

Ficará assim: LINDA E SOBERANA!!!

Rende 12 porções (fatias), sendo que cada fatia terá aproximadamente 145 kcal.

beijos à todos!

BATATAS RECHEADAS




BATATAS RECHEADAS

Ingredientes:
4 batatas grandes
1 xícara (chá) de ricota esfarelada
1/2 xícara (chá) de requeijão
2 colheres (sopa) de leite
1/2 xícara (chá) de mussarela cortada em cubos
Sal a gosto
1 colher (sopa) de salsa picada
3 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
4 fatias de bacon

Modo de Fazer:
Lave as batatas e cozinhe em água fervente até que fiquem macias, porém firmes. Escorra e deixe esfriar ligeiramente. Faça um corte na lateral, com cuidado, e retire uma parte da polpa, formando uma cavidade.
Misture a ricota esfarelada com o requeijão e o leite até formar uma pasta. Adicione os cubos de mussarela, a polpa de batata retirada, sal e a salsa. Distribua o recheio na cavidade das batatas e polvilhe o queijo parmesão. Coloque as fatias de bacon por cima e asse em forno alto por 20 minutos.

Obs:
Se quiser, substitua o bacon por uma fatia de pastrami ou presunto.
Podem ser feitas no microondas, basta cozinhar por 6 minutos na potência alta, não esquecendo de fazer uns furinhos com palito na casca para não estourarem e depois de montadas de 5 a 6 minutos, ou até que o bacon esteja torrado e o queijo derretido.


até mais,

Costela bovina braseada

“Prepare-se: você vai comer um dos melhores pratos de sua vida!” Foi esta a frase que ouvi quando comi este prato certa vez, no interior da França. E não é que foi mesmo. É um pouco trabalhoso, é prato de fim semana com a família ou com amigos. Pois ambos, são para sempre, assim, devem sem muito bem cuidados.

INGREDIENTES:
6 tiras de costela de boi bem carnuda com 6 cm de largura
¼ de xícara de óleo
3 cenouras cortadas em rodelas de 2 cm
1 cebola grande em pedaços de 2 cm
6 cebolas roxas picadas
15 dentes de alho cortadas ao meio no comprimento
15 pimentas do reino pretas quebradas
¼ de xícara de tomate pelado
¼ de xícara de farinha de trigo
2 garrafas de vinho Cabernet Sauvignon (ou outro bom vinho tinto)
4 taças de vinho do Porto
5 xícaras de caldo de carne
sal grosso e pimenta do reino preta moída na hora

Bouquet Garni:
1 fatia grossa de toucinho defumado
2 galhos de alecrim fresco
2 folhas de louro
2 talos de salsão

MODO DE PREPARO:
Prepare o Bouquet Garni. Estenda a fatia de toucinho e coloque dentro o alecrim, o louro e o salsão. Enrole e amarre com barbante.
Salgue a carne e moa pimenta por cima de cada peça. Aqueça sua maior panela (totalmente de metal para que possa ir ao forno) e coloque óleo. Quando estiver bem quente coloque a carne e doure de todos os lados. Se não couberem todos, faça em dois ou três lotes. Retire e reserve.
Derrame o excesso de gordura se houver. Volte ao fogo e coloque tudo na panela: cenoura, cebola, cebola roxa, alho, e pimenta quebrada. Doure tudo.
Abaixe o fogo e junte a farinha e mexa bem. Coloque o Bouquet Garni, o vinho tinto e o Porto. Mexa bem para soltar o fundo e cozinhe para que reduza para uma terça parte.
Coloque as costelas de volta a panela com os ossos na vertical. Junte o caldo de carne e o tomate. Cubra a panela com folha de aliminio e coloque no forno a 140º C por umas 3 horas até que a carne fique macia.
Prepare o molho. Tire a carne da panela (com cuidado para que o ossos não caiam da carne). Coe bem o caldo com uma peneira com pano dentro. Jogue fora todos os sólidos e volte o liquido filtrado para uma panela. Cozinhe até que se reduza a terça parte. Leva mais ou menos 1 hora.
Sirva a carne bem quente (pode ser aquecido em microondas coberto com filme) coberto com uma boa colherada do molho fervendo.

Acompanhe com um bom purê de batata ou polenta mole.

Serve 6 pessoas

Macarrão com almôndegas



600gr carne de vaca e porco picada
1 Lata grande de feijão manteiga cozido
2dl vinho branco
Água q.b.
Macarrão “penne”

Molho
Azeite q.b.
1 cebola grande picada
1 lata de tomate pequena
½ pimento verde
Sal, pimenta, orégãos

Temperar a carne com, orégãos, sal e pimenta, amassar bem.
Fazer almôndegas pequenas. Num tacho levar ao lume o azeite e saltear um pouco as almôndegas. No liquidificador triturar todos os ingredientes do molho.
Juntar o molho triturado nas almôndegas salteadas e adicionar o feijão e o macarrão, verificar o sal e deixar cozer. Se necessário acrescentar mais água.

Sopa Cremosa de Beterraba

Já viram bem a cor desta sopa?
Reconheço que foge um bocadinho ao habitual, mas tinha que dar uso a uma beterraba enorme que a Agricabaz me enviou, juntamente com muitos outros legumes biológicos.
As saladas agora já apetecem pouco, e assim surgiu a ideia de uma sopa bem espessa para comer nestes jantares de um outono incrivelmente quente.

Ingredientes para 4 a 6 pessoas:

500gr de beterraba
1 cenoura grande
2 maçãs
1 cebola pequena
600ml de caldo de galinha
2 colheres de sopa de açúcar (para quebrar um pouco o sabor forte da beterraba)
2 colheres de sopa de sumo de limão
coentros para polvilhar

Preparação:

Descasque os legumes e corte-os em pedaços pequenos. Coloque-os numa panela juntamente com o caldo de galinha e deixe cozinhar até todos os legumes estarem macios.
Com a varinha mágica bata a sopa de modo a ficar com um creme espesso, acrescentando um pouco de água se necessário.
Rectifique os temperos e acrescente o açúcar e o sumo de limão.
Sirva polvilhada com coentros.

Bom Apetite!

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Iogurte dos Alpes


1 litro de leite meio-gordo
3 saquetas de chá dos Alpes
1 iogurte natural
60g açúcar amarelo
1/2 copinho da bimby de leite em pó

Tradicional

Comece por fazer o chá, aquecendo um pouco de leite (mais ou menos 1/4 de chávena) no microondas e depositando as saquetas de chá no copo. Deixe repousar durante alguns minutos e retire as saquetas. Aqueça ligeiramente o leite restante e misture bem todos os ingredientes. Coloque os iogurtes na iogurteira ou no forno.

Bimby

Comece por fazer o chá, aquecendo um pouco de leite (mais ou menos 1/4 de chávena) no microondas e depositando as saquetas de chá no copo. Reserve.

No copo de Bimby coloque o restante leite, o leite em pó, o iogurte natural e o açúcar, 6 minutos 50º Vel. 2

Retire as saquetas da chávena, escorra bem e junte esta mistura ao copo da Bimby.

Abafe bem o copo com um saco térmico e deixe repousar durante toda a noite ou coloque o leite em copinhos de vidro e leve ao forno desligado durante pelo menos 8 horas.

Conserve os iogurtes no frigorífico durante 1 semana.

O bolo de anos, para a creche

Tal como prometido aqui está a foto do bolo que fiz para o filhote levar para a creche. Fiz um simples bolo de iogurte mas com mais porções e com missangas decorativas e gomas por cima.
No entanto, o bolo ficou um pouco 'inclinado' e abriu um pouco no cimo :(

Para mim não estava a 100% mas o filhote adorou até porque me ajudou enquanto o fazia...





Comida para Halloween...uma escapadela e uns mimos

Que meeeeedaaaa!

Isto mesmo... não é pra ser bonito, é pra ser eca, eca, eca! Assustar e causar repulsa nos pipous aí da sua casa... hahahahaha (risada de bruxa)

Dedos da Bruxa

Ingredientes

Salsichas
Amêndoas partidas ao meio
Ketchup

Cozinhe as salsichas por 5 minutos. Deixe esfriar e corte-as do tamanho desejado, com a ponta de uma faca, faça cortes superficiais, formando os nós dos dedos.

Para fazer as unhas, enfie a metade das amendoas, nas extremidades que não foram cortadas. Passe um pouco de ketchup nas pontas cortadas, para dar a sensação de sangue...

Horrível cruizcrédo!!!


Ahhhh...e se beber????

Só beba! ;)
***_______________________________________________________________***

Agora os selinhos... vocês me mimam e eu fico toda cheia. Às vezes, eu fico mimatando pra colocar aqui mãããããs, hoje foimólezim.

Como vocês já sabem, leitores, podem levar os selinhos:


Este foi do meu amigo Pierre, do Le Fouet Furiex. Um belíssimo blog que merece sua visita... Ele pedia pra que contasse 07 coisas sobre mim que talvez vocês pudessem achar interessante... Mas não encontrei nada interessante pra contar aqui... acho que já falo escrevo demais! :D Brigadinh@ Pierre pelo carinho!



O segundo da Dani, Nossa Cozinha, vale a pena conferir, visitem...
No mimo dedicado por ela, eu teria de dizer 08 características minhas.

But, mudei um pouco a brincadeira... como falta de tempo aqui em casa, é a unica coisa que tá de sobra... vou deixar vocês meus caros, escolherem como sou... Os que já me conhecem levam vantagem nesta!


Simpática
Analfabeta
Engraçada
Teimosa
Chorona
Carinhosa
Divertida
Tagarela
Autêntica
Doida
Parceira
Chata
Pavio Curto
Ansiosa
Bonitinha
Amorosa
Mimada
Destranbelhada
Teimosa

Vai lá... sijooooga, fique "flay e non descabelay". Diz aí como você me vê...

***_______________________________________________________________***

P.S:
A escapadela, é que ficarei uns dias afastada da net, por isto não poderei visitá-los com a mesma frequência...mas calma, calma... não precisa "desesperá" não! Isto será passageiro, apenas uns 05 dias... aí vórtiu tchiudio dinovo! deixarei no piloto "au tomate" umas duas postagens e logo logo tô na área pra azucrinar a vida docês aí!

Ahhh... não esqueçam de dar de comer o peixe na minha ausência... e o último apaga a luz!!! :D

Fraldinha oriental marinada e grelhada

Essa fraldinha com toque oriental fica delicioso servido quente. A eventual sobra, deve ser cortada em fatias finas e sirvida em uma salada de folhas escuras (rúcula e alecrim) e cebola em rodelas. A fraldinha pode ser grelhada em churrasqueira ou em uma boa frigideira. Aqueça bem uma frigideira pesada. Mesmo que a peça seja mais longa, encolherá bastante durante o preparo.
INGREDIENTES:
1,5 kg de fraldinha sem gordura nenhuma
6 colheres de sopa de amendoim tostado no forno
1 xícara de molho de soja light
½ xícara de óleo de gergelim
3 colheres de sopa de coentro fresco picado
3 colheres de sopa de gengibre picado
1 colher de sopa de alho picado
2 colheres de sopa de cenoura picada
2 colheres de sopa de salsão picado
1 colher de sopa de mel

MODO DE PREPARO:
Faça a marinada misturando bem todos os ingredientes. Reserve 3 colheres de sopa do molho.
Coloque a carne em uma travessa e despeje por cima a marinada. Vire para pegar bem o gosto e leve à geladeira por 2 horas (coberto por filme) virando depois de uma hora.
Leve a carne a uma (ou duas) frigideira bem quente com um pouco de óleo. Grelhe por uns 5 minutos de cada lado, retire e coloque em uma tabua. Deixe descansar por 3 a 4 minutos.
Corte a carne em fatias de 1,5 cm sempre na transversal às fibras.
Sirva regando com um pouco do molho reservado e salpique com os amendoins tostados ainda quentes.

Serve 6 pessoas

Bolo de côco


Ingredientes - por ordem de uso
2 ovos (dos grandes)
300ml de leite
1 colher de chá de essência de baunilha
2 ½ chávenas de farinha de trigo
2 colheres de chá de fermento em pó
2 colheres de chá de canela em pó
1 Chávena de açúcar
150g de coco ralado
75g de manteiga sem sal, derretida

Para servir:
Manteiga
Açúcar Glacé

Preparação:
Pré-aquecer o forno a 180ºC. Bater levemente os ovos, leite e a essência de baunilha.
Peneirar a farinha, fermento e canela numa vasilha e adicionar o açúcar e coco. Misturar os ingredientes mas não muito.
Fazer um buraco no centro da massa e aos poucos vá adicionando a massa liquida que contem os ovos, até que tudo fique misturado. Não mexer muito - utilizar o garfo, tipo mistura de muffin.
Acrescentar a manteiga e só misturar o suficiente para que a massa fique macia.
Colocar numa forma de pão (21 x 10 cm) e levar ao forno por aproximadamente 1 hora ou até que ao enfiar um palito no bolo ele saia limpo.
Deixar esfriar na forma por 5 minutos, e depois retirar e colocar num prato deixando arrefecer...
Polvilhar com o açúcar glacé. É muito bom se for servido com manteiga.

Risotto no forno com Salsichas Frescas e Tomate Cherry

Foi a minha primeira experiência de risotto no forno, e tornou-se um favorito. Porque é muito simples de preparar, deixa tempo para fazermos outras coisas, e é uma refeição bastante económica.
Não deixem de experimentar!

Ingredientes para 2 pessoas:
(Adaptado de "The Australian Women´s Weekly - Cheap Eats", Pág.42)

4 salsichas frescas
3 chávenas (220ml) de caldo de galinha
1 colher de sopa de azeite
1 cebola pequena
1 dente de alho
1 chávena (220ml) de arroz para risotto
100 gr de tomates cherry
coentros frescos para polvilhar

Preparação:

Ligue o forno a 180ºC com a ventoinha (se tiver).
Corte as salsichas em pedaços não muito pequenos e cozinhe-as num tacho juntamente com o azeite. Assim que estiverem cozinhadas retire-as para um prato, e na gordura que ficou no tacho refogue a cebola e o alho picados. Adicione o arroz e envolva no refogado.
Adicione depois as salsichas e o caldo de galinha bem quente e deixe levantar fervura.
Coloque depois toda a mistura num prato que vá ao forno e á mesa e cubra com papel de alumínio.
Leve ao forno 15 minutos mexendo a meio do tempo. Passados os 15 minutos retire o papel de alumínio e deixe cozinhar mais 15 minutos. Adicione depois os tomates cherry bem lavados e deixe cozinhar mais 15 minutos, ou até os tomatinhos estarem moles e o arroz cozinhado.
Sirva polvilhado com coentros frescos picados.

Bom Apetite!

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Pão Challah


ChallahImage via Wikipedia

Estou a ler um livro sobre o processo de fazer pão artesanalmente e lá referenciam o Pão Challah e diz como se faz à mão.
O Pão Challah pertence à culinária judaica e é tradicionalmente servido durante o Sabbath, para comemorar a comida (manna) que desceu dos céus quando os israelitas vaguearam pelo deserto durante 40 anos, após o êxodo do Egipto.
Fui ver se já alguém tinha experimentado na máquina de fazer pão e parece que sim! Por isso aqui deixo os ingredientes usados nessa receita que achei.

Ingredientes:
1 copo de água
2 gemas de ovos
1 ovo
4 colheres de sopa de manteiga
3 colheres de sopa de açúcar
1 e 1/4 colheres de chá de sal
3 e 3/4 copos de farinha branca
25 g de fermento de padeiro

Confecção:
Colocar os ingredientes acima indicados na cuba da máquina de fazer pão, por ordem.
Usar o programa "Massa".
Quando o programa acabar, colocar a massa na bancada de cozinha, que foi previamente polvilhada com farinha, para a massa não colar.

Dividir a massa em 6 porções iguais, e fazer rolinhos com a palma da mão e entrançar.
Deixar a massa entrançada descansar, tapada, durante 30m ou até o seu volume duplicar.
Bater 1 ovo e pincelar sobre a massa, cozendo de seguida no forno durante cerca de 30 a 35m, a 180ºC.

Nota:
Poderá utilizar sementes de sésamo sobre o pão, antes de o colocar no forno.

O vídeo que mostra como se entrança o pão está aqui:



Créditos: Art of Kosher Cooking


Reblog this post [with Zemanta]

Uma variante para acompanhar… ervilhas com linguiça

Uma variante para acompanhar...

Lá em casa, por causa dos horários e da correria que existe sempre durante a semana, caímos muitas vezes na rotina de usar os mesmos acompanhamentos. Mas é bom variar. Desta vez, e para acompanhar um carne grelhada, que fazemos bastante lá por casa, para além do arroz, resolvi fazer ervilhas com linguiça. Aqui fica:

1 lata das grandes de ervilhas (Peço desculpa pela má publicidade, mas as do Pingo Doce são péssimas…)
3 linguiças sem pele e cortadas em rodelinhas
7 dentes de alho esmagados com casca
Coentros… muitos (cá estou eu outra vez!)
Azeite q.b.

Escorrer as ervilhas para um passador e passá-las por água. Deixar a escorrer e reservar. Num tacho colocar uma quantidade generosa de azeite (a cobrir o fundo) e colocar a fritar os dentes de alho. Juntar a linguiça e os coentros. Quando a linguiça estiver estaladiça, juntar as ervilhas, envolver e deixar apurar um bocadinho (4 a 5 minutos).

Bom apetite!

Picadinho Agri-Doce


Oi pessoas queridas!
Ainda estou à procura de um novo lar. Vi alguns apartamentos e gostei de dois deles, um é bem lindinho, área central, reformado e espaçoso, mas o preço é um pouquinho puxado. O outro é novo, é bem menor e o valor é mais aproximado do que poderíamos. Dúvidas, dúvidas, dúvidas... De qualquer maneira, hoje já começo a encaixotar as coisas, porque fim de semana precisamos mudar.

Mudando de assunto, fiz uma carninha agri-doce dia desses que me surpreendeu no sabor. Me surpreendeu porque nunquinha eu faço pratos agri-doces... não sei, não é costume. Mas esse eu gostei e muito! Até penso em repetir!

Foi assim:
- carne para strogonoffe
- alho picado
- cebola cortada em pétalas
- tomate cortado em cubos grandes
- cenoura e pimentão cortados em tiras
- óleo/azeite
- açúcar
- molho inglês
- soja torrada e temperada

Primeiro fritei a carne com o alho. Em seguida acrescentei açúcar, para caramelizar e ficar com aquele gostinho. Fui fritando. Depois coloquei a cebola e a cenoura, mais pra frente o pimentão e por último o tomate. Temperei com um pouquinho de sal (só um pouquinho), o molho inglês e algumas ervinhas. Deixei apurar e ficou pronto pra servir com arroz branco!

Falando em servir, na hora de ir à mesa salpiquei com soja torrada e temperada. Sabe aquela que se compra pronta no mercado? Ou pode ser aquela da feira também! A que eu usei era temperada com ervas finas. Dá uma crocância e um saborzinho bem bons!

Canelones de salsicha e queijo com béchamel

Esta receita foi feita num daqueles dias de preguiça e falta de vontade de estar na cozinha muito tempo.
Ficou uma delicia :-)

Fiz assim;
4 folhas de massa de lasanha fresca
8 salsichas
4 fatias de queijo Gouda
4 fatias de queijo cheddar
Molho báchamel (o meu fiz na bimby mas pode comprar ou fazê-lo da maneira tradicional.)

Em primeiro dividi cada folha de lasanha em 2 partes iguais. As folhas que comprei eram grandes. Fiquei assim com 8 pedaços.
Em cada folha de lasanha, coloquei 1 salsicha e 1 fatia de queijo e enrolei. Depois dos canelones enrolados fiquei com 4 de queijo gouda e 4 de cheddar.
Na assadeira, colocam-se aos pares. Ficando assim; 1 de salsicha e gouda, o seguinte de salsicha e cheddar.
Coloquei-os assim para ao retirar, cada pessoa provar dos 2 queijos diferentes.
Barra-se os canelones com o béchamel e polvilha-se com mozarella ralada.
Levei ao forno a 200ºC por 30 minutos e servi de seguida bem quentinhos com salada.


Biscoitos de Chocolate e Cacau

Como é de esperar quando o outono e o inverno se começam a fazer sentir, apetece ficar enroscado no sofá a ver um filme, a ouvir a chuva a cair, e a beber uma chávena de chá com umas bolachinhas.
Fizeram-se então cá em casa umas bolachinhas de chocolate e cacau (retiradas do blogue da Luisa Alexandra onde foram adaptadas para o dispara-biscoitos, uma vez que a receita original é da Nigella Lawson do seu livro "Na cozinha com Nigella") para as nossas tardes de ócio no sofá.
E mais uma vez dei uso ao meu dispara-biscoitos, que para quem quiser se pode comprar aqui.

Ingredientes para 60 bolachinhas:

125gr de chocolate de culinária
125gr de manteiga sem sal
90gr de açúcar mascavado
30gr de cacau
1 ovo
15ogr de farinha sem fermento
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher de chá de sal

Preparação:

Derreta o chocolate com a manteiga.
Numa outra taça junte a farinha com o cacau, o açúcar bem desfeito e o bicarbonato. Mexa bem e adicione o ovo batido e a mistura de chocolate.
Misture bem todos os ingredientes e coloque-os depois no dispara-biscoitos.
Num tabuleiro forrado com papel vegetal forme os biscoitinhos e leve-os a cozer em forno quente (200ºC) durante cerca de 10 minutos.
Retire e deixe arrefecer (quando saem do forno estão ainda um pouco moles, mas à medida que vão arrefecendo vão ficando mais durinhos).
Guarde numa caixa hermética.

Bom Apetite!

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Pão Ultra Rápido

fast carsImage by myfear via Flickr

As máquinas de pão têm um ou dois programas para fazer pão ultra-rápido (mas toda a gente sabe que a pressa é inimiga da perfeição!) e torço um pouco o nariz a este ciclo ultra-rápido, porque o pão não tem tempo de fermentar como no programa normal.

Mas, se tiver mesmo muita pressa, este programa tem de resolver o problema!

No fórum Petiscos mostram uma receita de pão ultra-rápido, adequada para este ciclo. Se eu experimentar, depois aviso, mas para já aqui fica a partilha.

Ingredientes:
340 ml de água morna (pode ser leite)
15-20g de fermento de padeiro
2 colheres (sopa) açúcar
3 colheres (sopa) gordura (óleo ou manteiga)
2 colheres (chá) de sal fino
600g de farinha

Preparação:
Dissolve-se o fermento no líquido morno e coloca-se na cuba juntamente com os restantes ingredientes. Selecciona-se o ciclo ultra rápido I e a cor pretendida, tamanho 750g.


Reblog this post [with Zemanta]

TORTA DE LIQUIDIFICADOR




TORTA DE LIQUIDIFICADOR
Ingredientes:
massa
1 xícara(chá) de óleo
2 xícaras(chá) de farinha de trigo
ou 1e1/2 de farinha e 1/2 de maizena
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 colher (café) de sal
1 xícara(chá) de leite
2 ovos
3 colheres(sopa) de queijo parmesão ralado
Recheio
300 g carne moída
óleo
cebola
alho
tomates
cheiro verde
ovos cozidos
Modo de fazer:
Recheio:
Coloque numa panela o óleo, alho picado, deixe fritar. Em seguida adicione a carne moída e deixe refogar, junte a cebola os tomates e dexei refogar mais um pouco. Reserve.
massa:
Bata no liquidificador, os ovos, leite, óleo, queijo ralado, sal; junte aos poucos a farinha(ou farinha e maizena) e por último o fermento em pó.
Unte uma assadeira média e coloque metade da massa, em seguida o recheio adicionando rodelas de ovos cozidos e cheiro verde. Por cima coloque o restante da massa e leve para assar em fogo moderado até que fique dourada. Sirva com uma salada.

Obs.: O recheio pode ser feito com atum, sardinha, ou outro de sua preferência. Inclusive de legumes, fica deliciosa! Se quiser ao invés de colocar os tomates no refogado, coloqueos sobre o recheio em rodelas, fica mais úmido e muito bom.

até mais

Pizza de chocolate


Para esta receita usei;
2 bases de massa de pizza fresca
4 c. sopa de cacau em pó
1 lata de leite condensado
pepitas de chocolate para decorar

Esticar as bases de pizza. Levar ao forno a 200ºC por 15 minutos.
Misturar o cacau com o leite condensado e barrar as pizzas. Polvilhar com o chocolate granulado e levar ao forno mais 10 minutos.